Tem que ter categoria

Autores

Enrico Spaggiari

Subtítulo

construção do saber futebolístico

Orientador

Heitor Frúgoli Junior

Banca

Luiz Henrique de Toledo, Vagner Gonçalves da Silva

Faculdade / Instituição

Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo

Tipo

Dissertação

Área de concentração

Mestrado em Antropologia Social

Ano

2009

Páginas

265

Cidade

São Paulo

Resumo (pt)

Esta pesquisa teve como objetivo principal investigar o ensino e aprendizado da prática futebolística para crianças e jovens de alguns bairros da Zona Leste de São Paulo. Acompanhei as aulas, treinos e jogos relacionados à escolinha do CDM Cidade Líder, como também as demais atividades praticadas naquele espaço, principalmente, as partidas de futebol de várzea aos finais de semana. A partir da observação das relações construídas entre os diversos atores (crianças, jovens, jogadores de várzea, pais e mães, olheiros, empresários e outros), pude identificar diferentes aspectos ligados ao ensino e aprendizado do futebol, que aparecem articulados na etnografia: trabalho, corpo, dom, peneiras, masculinidade, modelos pedagógicos, profissionalização etc. Se, por um lado, observava o processo de ensino e aprendizado do futebol entre os alunos, pais e professores, por outro, percebia que, concomitante ao ensino, trabalhava-se a idéia da formação de jovens jogadores. Tal questão me fez pensar em estender a pesquisa a novas espacialidades. Marcada, inicialmente, pela observação no bairro Cidade Líder, na Zona Leste paulistana, a pesquisa posteriormente ganhou uma amplitude de atores, experiências, trajetórias e situações, o que me fez atentar às redes de relações entre os diversos atores. Com este fim, tracei uma rede futebolística, entre outras tantas possíveis, que se inicia no bairro de Guaianases, também na Zona Leste, com o objetivo de investigar a diversidade de situações, atores e questões conectadas ao processo de formação de jovens jogadores de futebol. Assim, temas como peneiras, empresários, clientelismo, política municipal e futebol de várzea aparecem entrelaçados e mostram-se decisivos no processo de formação dos jogadores. Por meio desta rede, pesquisei atores e práticas que se encontram numa posição de invisibilidade quando observados somente por meio de classificações dicotômicas: jogo/esporte, amadorismo/profissionalismo e cotidiano/ritual. Trata-se, portanto, de um esforço de investigação de algumas das inúmeras mudanças estruturais do universo futebolístico, tanto no plano profissional, quanto nas formas cotidianamente ativadas nos espaços urbanos.

Palavras-chave: Futebol. Esporte. Redes. Periferias. Ensino-aprendizado.

Abstract

This study aimed to investigate the main teaching and learning of football practices for children and young people in some districts of the East Zone of São Paulo. I followed the instruction, drills and games related to the CDM Cidade Líder football school, as well as other activities conducted in that area, especially the amateur football games in the weekends. From the observation of the relationships built between the various actors (children, young people, amateur players, parents and mothers, scouts, agents and others), I could identify different aspects of teaching and learning of football, which appear in the pleadings ethnography: working, body, Dom, screens, masculinity, pedagogical models, professionalism etc. If, on the one hand, I watched the process of teaching and learning football between students, parents and teachers, on the other hand, I understood that, concurrent to education, the idea of training young players was also developed. This question made me think of extending the search to a new space. Marked, initially, for observation in the Cidade Líder district in East Sao Paulo, the search later won a range of actors, experiences, histories and situations, which made me look at the networks of relationships between different actors. To this end, a specific football network was plotted, among many others that are possible, which begins in the neighborhood of Guaianases, also in the East, aiming to investigate the diversity of situations, actors and issues connected to the process of training young football players. Thus, issues such as sieves, business, patronage, local politics and amateur football appear interwoven and are crucial in the training of players. Through this network, I researched actors and practices that are in a position of invisibility when seen only by means of dichotomous classifications: game/sport, amateurism/professionalism and everyday/ritual. It is therefore an effort to research some of the many structural changes in world of football, in the professional and in the everyday forms that turn up in urban spaces.
Keywords: Football. Sport. Network. Suburbs. Teaching-learning

Sumário

INTRODUÇÃO, 10
A) Apontamentos iniciais, 10
A.1) Reavaliando dicotomias, 13
A.2) Desdobramentos: as redes futebolísticas, 18
A.3) Questões metodológicas, 21
B) O olheiro e o antropólogo: por uma produção dialógica de conhecimentos, 26
B.1) Conversa com Eduardo (parte 1), 26
B.2) Conversa com Eduardo (parte 2), 31
C) Estrutura da dissertação, 36
CAPITULO 1 – Sobre “quem participa do rateio”: o universo relacional varzeano, 48
1.1) Clube Desportivo Municipal Cidade Líder, 41
1.2) Programa Mais Esporte no Segundo Tempo, 45
1.3) Políticas sociais de esporte, 49
1.4) CDM, violência, crime e tráfico, 60
1.5) Silva e Jaílson: duas trajetórias futebolísticas, 65
1.6) Sobre amadores e profissionais, 74
ICONOGRAFIA, 83
CAPITULO 2 – “Meu professor é a bola”: ensino e aprendizado de futebol, 87
2.1) Sobre a rotina da escolinha: saber prático versus saber teórico, 88
2.2) Os treinamentos, 96
2.3) Alguns sentidos da prática futebolística, 102
2.4) Jovens jogadores, jovens trabalhadores, 105
2.5) As redes de relações futebolísticas, 107
2.6) Dom: o algo a ser multiplicado, 119
2.7) A reciprocidade do dom, 124
2.8) O aprendizado fora da escolinha, 128
2.8.1) Os futebóis de rua, 139
2.8.2) O futebol no espaço do bar, 142
2.8.3) O futebol de videogame, 146
ICONOGRAFIA, 154
CAPITULO 3 – Os universos do futebol: o que cabe em uma rede, 163
3.1) Alguma questões sobre conexões e redes,163
3.2) “O agente FIFA filho de Guaianases” e seus primeiros passos, 165
3.2.1) “Sempre assim, todo mundo quer ser meia ou atacante”, 170
3.2.2) O modelo exógeno do Grupo Pão de Açúcar, 177
3.2.3) “Uma parceria bem com a cara do Corinthians”, 178
3.2.4) “Daqui três anos eu vou ser uma marca”, 181
3.2.5) “Vou ter um empresário, agente, procurador, assessor…”, 183
3.3) “O mundo do futebol é muito estreito”: a escolinha do Botafogo de Guaianases, 185
3.3.1) Início do evento do Dia das Mães, 187
3.3.2) Sobre o Grêmio Botafogo de Guaianases, 188
3.3.3) Sobre a Escolinha Comunitária de Futebol, 189
3.3.4) As relações entre futebol e política, 199
3.3.5) Encerramento do evento do Dia das Mães, 203
3.4) “A diferença é uma cidade inteira”: Pequeninos do Jockey e Ferraz de Vasconcelos, 206
3.4.1) “Bom de bola, melhor na escola”, 206
3.4.2) “Um por todos, todos por um. Um, dois, três… FERRAZ!”, 209
ICONOGRAFIA, 220
CONSIDERAÇÕES FINAIS: ou A Incrível História do Famoso Goleiro Vitor, 231
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS, 237
ANEXOS, 245
Anexo 1) O projeto Mais Esporte, 246
Anexo 2) Celso e o bar do CDM Cidade Líder, 247
Anexo 3) Fotos do baú do ex-jogador Silva, 249
Anexo 4) Revista Placar (agosto de 1979), 251
Anexo 5) A história de David, 252
Anexo 6) Quadro tático utilizado no CDM Cidade Líder, 255
Anexo 7) Características do bom jogador, 256
Anexo 8) Principais características físicas por posição, 257
Anexo 9) Modelo de Procuração, 258
Anexo 10) “Periferia na mídia”: a visita de Neto ao Botafogo de Guaianases, 259
Anexo 11) Copa Vale Histórico, 261
Anexo 12) Certificado conferido aos participantes da Copa São Lourenço, 262
Anexo 13) Sobre chuteiras, 263

Referência

SPAGGIARI, Enrico. Tem que ter categoria: construção do saber futebolístico. 2009. 265 f. Dissertação (Mestrado em Antropologia Social) - Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2009.