131.31

2009/10: A temporada que o Mallorca surpreendeu a La Liga

Gabriel de Oliveira Costa

O campeonato espanhol reserva uma das missões mais ingratas para pequenos e médios clubes: desbancar Barcelona e Real Madrid. No entanto, por vezes, surgem equipes que surpreendem na competição e alcançam posições invejáveis na liga, como o Mallorca na La Liga em 2009/10.

Vindo de uma boa campanha no ano anterior, com a 9ª colocação, o Mallorca teria de usar a criatividade para seguir no topo da La Liga. Após perder Juan Arango, Moyá e Javi Guerra, o time sofreria com a limitação financeira. Apenas 400 mil euros foram gastos na janela. Modesto, o time se reforçou pontualmente: Borja Valero, Alvárez, Bruno China, Felipe Mattioni, González e Pezzolano chegaram.

Foto oficial do plantel do Mallorca para a temporada 2009/10. Foto: Divulgação.

Legado na La Liga

O elenco já tinha Aduriz, ídolo do Athletic Bilbao atualmente, “Chory” Castro, destaque do Málaga e da Real Sociedad, Lux, ex-River, e Mario Suárez, que jogaria no Atlético Madrid. E o grupo recheado de jovens promissores fez bonito. Treinados por Gregório Manzano, o Mallorca terminou em 5º colocado na La Liga. Foram 62 pontos, 18 vitórias e 59 gols pró. Pierre Webó, experiente atacante camaronês foi o grande marcador, com 6 gols na liga.

Portanto, os Barralets iniciaram a temporada sem grandes expectativas. O ápice da campanha veio em março de 2010, quando goleou o Atlético Madrid por 4 a 1, chegando ao 4º lugar. Já na Copa del Rey, o time caiu apenas nas quartas de final. Eliminando Valladolid e Rayo Vallecano, foi eliminado pelo Getafe. 

Após o mágico ano, o Mallorca deixou um grande legado na Liga. Seus jogadores passariam a serem cobiçados pelas maiores equipes da Espanha. Entretanto a grande promessa era Tomás Pina, que iria ao Villarreal futuramente, além disso, Aduriz foi para o Valencia e Mario Suárez ao Atlético, no fim da temporada. Anos depois, Borja Valero ganharia destaque na Fiorentina e Internazionale. Gonzalo Castro, referência da Real Sociedad de 2012 até 2016.

Por fim, o Mallorca encerrou a temporada 2009/10 classificado à Euro League junto do Getafe. O time ficou atrás apenas de Barcelona, Real Madrid, Valencia e Sevilla.

Elenco Mallorca

O elenco avaliado em 63 milhões de euros, era composto por:

Goleiros: G. Lux e D. Aouate;

Defensores: Ayoze, J. Nunes, F. Mattioni, I. Ramis, Corrales, Josemi e Rubén;

Meias: J. Alvárez, Alberto, Borja Valero, B. China, Gonzalo Castro, M. Suárez, Martí, P. Pezzolano, Tomás Pina e Varela;

Atacantes: A. Aduriz, A. Keita, Sergi Enrich, Tuni, V. Casadejesús e P. Webó.

Como citar

COSTA, Gabriel de Oliveira. 2009/10: A temporada que o Mallorca surpreendeu a La Liga.