A narrativa audiovisual da transmissão direta e ao vivo da Copa do Mundo da FIFA

Autores

Tatiana Zuardi Ushinohama

Subtítulo

comparação entre a televisão analógica e a digital

Orientador

José Carlos Marques

Banca

Bernado Borges Buarque de Hollanda, Mauro Betti

Faculdade / Instituição

Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação, Universidade Estadual Paulista

Tipo

Dissertação

Área de concentração

Mestrado em Comunicação

Ano

2014

Páginas

127

Cidade

Bauru

Resumo (pt)

A cada edição da Copa, novas possibilidades de comunicação (cinema, rádio, TV) surgem para o mundo acompanhar esta competição de futebol. Porém, em 1970, todo o planeta teve a possibilidade de assistir aos jogos simultaneamente a sua realização graças à transmissão televisiva via satélite. A partir daí, o sistema de televisão expande-se, modifica-se tecnicamente a fim de que cada vez mais países acompanhem direto da cidade-sede e “ao vivo” o evento. Entretanto, na Copa de 1998, chega ao fim o sistema televisivo analógico e, na Copa de 2010, firma-se o sistema televisivo digital. Desta forma, desde a Copa em 1970 até 2010, o que mudou nas transmissões televisivas dos jogos? Para esclarecer esta questão, foram comparadas as transmissões televisivas das Copas de 70, 98 e 2010 por meio da análise das estruturas representativas do espaço e tempo elaborado pela tevê. (CASETTI, 1999), ou seja, investigou-se a composição e organização da linguagem audiovisual nessas Copas. Encontraram-se três estilos de transmissões televisivas das Copas, uma em cada Copa. A Copa de 1970 cria um estilo de presenciar o jogo pela tevê próximo da experiência estética que o torcedor costumava ter no estádio. A Copa de 1998 busca construir um estilo em que a realidade só é visível pelo meio televisivo. A Copa de 2010 implanta um estilo hiper-realista, em que se revelam detalhes de um âmbito que o telespectador não sabia que existia ou não podia ver.

Palavras-chave: Futebol, Narrativa audiovisual, Transmissão televisiva, Copa do Mundo da FIFA, Midiologia.

Abstract

Each edition of the World Cup, new possibilities of communication (film, radio, TV) emerge the soccer competition. However, in 1970, the entire planet had a chance to watch the game simultaneously, while its realization to satellite broadcasting. From there, the TV system expands, modifies itself technically so that more countries follow directly from the city and live. But, in the 1998 World Cup finish the analog television system. And, in the 2010 World Cup, establish the digital television system. Thus, since the World Cup in 1970 and 2010, broadcasts of the games are the same? The broadcastings of World Cups 70, 98 and 2010 were compared for analysis of representative structures of space and time produced by the TV. (Casetti, 1999). So, investigated the composition and organization of audiovisual language in these World Cups. There are three styles of broadcasting of the World Cup, one in each Cup. The World Cup 1970 creates a style to witness the game on TV, resembles the direct contact of the fans in the stadium. The 1998 World Cup seeks to build a style in which reality is only visible by medium. And the 2010 World Cup deploys a hyper-realistic style that reveals details of scope that the viewer did not know existed or could not see.

Keywords: Soccer, Audiovisual Narrative, Broadcasting, World Cup FIFA, Mediology.

Sumário

INTRODUÇÃO, 09
1. – TELEVISÃO – TRANSMISSÃO DIRETA E “AO VIVO”, 10

2 – COPA DO MUNDO DE FUTEBOL NA TELEVISÃO, 23

3 – TECNOLOGIA TELEVISIVA – ANALÓGICA E DIGITAL, 33

MÉTODO, 43

DISCUSSÃO, 53
COMPARAÇÃO DAS TRANSMISSÕES TELEVISIVAS DAS COPAS, 53
ESTILO DE TRANSMISSÃO TELEVISIVA DE FUTEBOL, 66
ANÁLISE DAS COPAS, 71
COPA DO MUNDO DE 1970, 71
COPA DO MUNDO DE 1998, 83
COPA DO MUNDO DE 2010, 98

CONSIDERAÇÕES FINAIS, 120

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS, 122

APÊNDICES, 125
PLANILHA DE QUANTIFICAÇÃO (MODELOS), 125
COPA DO MUNDO DE 1970, 125
COPA DO MUNDO DE 1998/2010, 126

Referência

USHINOHAMA, Tatiana Zuardi. A narrativa audiovisual da transmissão direta e ao vivo da Copa do Mundo da FIFA: comparação entre a televisão analógica e a digital. 2014. 127 f. Dissertação (Mestrado em Comunicação) - Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação, Universidade Estadual Paulista, Bauru, 2014.