Adesão, aderência e abandono no cenário da iniciação esportiva

Autores

André Felipe Caregnato

Orientador

Fernando Renato Cavichiolli

Banca

Doralice Lange Souza, Carlos da Fonseca Brandão

Faculdade / Instituição

Setor de Ciências Biológicas, Universidade Federal do Paraná

Tipo

Dissertação

Área de concentração

Mestrado em Educação Fisica

Ano

2012

Páginas

191

Cidade

Curitiba

Resumo (pt)

O desejo de muitos garotos, desde as menores idades, é jogar futsal/futebol. Logo, existe o apoio dos familiares e o futebol passa a ser um projeto familiar, às vezes com expectativa de algum integrante dessa família alcançar o sucesso. Atualmente, para jogar futsal o jovem atleta ingressa numa escolinha, como a de um clube ou escola e os atores sociais que estão nesse meio são importantes na adesão, aderência e, até mesmo, no abandono da modalidade. Sendo assim, o cenário de estudo deste trabalho envolveu a iniciação ao futsal clubístico e escolar, sob a perspectiva de: pais, diretores, professores e alunos. O presente estudo, de cunho qualitativo, visou investigar como acontece a adesão, aderência e o abandono no futsal para jovens do gênero masculino da categoria sub-13, num contexto escolar e de um clube esportivo de Curitiba. Para isso utilizou-se das seguintes metodologias: observações, análise de documentos, entrevistas e questionários. Foram feitas observações, em torno de seis meses, nos cenários pesquisados, com idas a campo semanalmente e as anotações relatadas em diário de campo. Conjutamente analisou-se documentos, na qual investigou-se o objetivo das instituições com relação ao esporte. Posteriormente foram entrevistados 29 sujeitos e aplicados questionários para 46 alunos e 46 pais. Os dados foram organizados com auxílio da técnica: análise do conteúdo. Como principais resultados deste estudo, os alunos da escola iniciam porque gostam do futsal e se divertem com os amigos. No clube, o fator de adesão principal é por que existe o sonho familiar do aluno ser jogador de futebol profissional e tornar-se futura profissão com recompensa financeira. A aderência à escola se dá devido à concordância com a metodologia da aula, visto que o importante é jogar, e com o grupo de amigos e, também possuir um bom rendimento escolar. No clube, a permanência no futsal, acontece pela expectativa de seguir na equipe de futebol do campo, de adquirir habilidades para melhorar o desempenho e ser um daqueles tantos, que iniciaram no futsal e se tornaram jogador profissional de futebol de campo. O abandono no extracurricular acontece por problemas referentes a transporte e logística. No clube, problemas de relacionamento entre os agentes, descontentamento com o modelo de treino e jogo, pressão por resultados, excesso de treinamento, são alguns fatores relevantes para o abandono do jovem no futsal clubístico. Como principal legado, este estudo através dos resultados obtidos contribui com os cenários pesquisados, no sentido de gerar subsídios para aumentar a adesão, aderência e diminuir o número de abandonos na iniciação ao futsal.

Abstract

The desire of many kids from the younger ages, is playing futsal/soccer. Thus there is the support of family, the football becomes a family project, and sometimes with expectation of some member of this family to obtain success. Currently playing futsal for the young athlete joins a small school, how a club or a school and the social actors who are in the middle are important in this process of initiation, adherence and even the abandonment of the sport. Thus, the scenario of the present study involved the initiation in futsal clubístico and school, from the perspective of: parents, directors, teachers and students. The present study, a qualitative, aimed to investigate as is adhesion, adherence and dropout in futsal for young male sub-13 category in a school context and a sports club in the city of Curitiba. For this we used the following methods: observation, analysis of documents, interviews and questionnaires. Observations were made in around six months, the scenarios surveyed, field trips weekly and reported in the notes field diary. Simultaneous analyzed documents, which investigated the aim of institutions in relation to sport. Subsequently 29 subjects were interviewed and questionnaires to 46 students and 46 parents. Data were organized with this technique: analysis of content. The main results of this study, students start school because they like futsal and play with friends. At the club, the main factor adherence is why there is the familiar dream of the student be a professional soccer player and become future profession and financial reward. Adherence to school is due to the agreement with the methodology of the class, since the important thing is to play, with the group of friends and also have a good academic performance. At the club, stay in futsal, happens by the expectation of following the team’s soccer field, to acquire skills to improve performance and be one of those many, who started in futsal and became a professional soccer player field. Dropout in extracurricular happens for problems related to transport and logistics. Club, relationship problems between social actors, discontent with the model training and game, pressure for results, overtraining are some factors relevant to the dropout of young futsal clubístico. As main legacy, through the study results contribute to the scenarios investigated in order to generate data to improve adhesion, adherence and decrease the number of dropouts in the initiation of futsal.

Sumário

1 INTRODUÇÃO, 12
1.1 OBJETIVOS, 15
1.1.2 Objetivo Geral, 15
1.1.3 Objetivos específicos, 16

2 REVISÃO DE LITERATURA, 17
2.1 ADESÃO, ADERÊNCIA E ABANDONO NO ESPORTE,17
2.2 CENÁRIO DE UMA METRÓPOLE BRASILEIRA: TRANSPORTE, VIOLÊNCIA E
ATIVIDADE FÍSICA, 28
2.3 VALORES NO ESPORTE – CLUBE E ESCOLA, 32
2.4 CONCEITOS DE NORBERT ELIAS, 38

3 ADESÃO À PRÁTICA DO FUTSAL NO CLUBE E NA ESCOLA, 45
3.1 INTRODUÇÃO, 45
3.2 OBJETIVO, 46
3.2.1 Objetivos Específicos, 46
3.2.2 Hipóteses, 47
3.3 METODOLOGIA, 47
3.3.1 Descrição dos cenários e sujeitos dos estudos, 47
3.3.2 Tipo de pesquisa, 49
3.3.3 Critérios para seleção dos participantes, 50
3.3.4 Técnica para coleta de dados, 52
3.3.5 Técnica de Interpretação dos dados, .58
3.4 RESULTADOS E DISCUSSÃO, 61
3.4.1 Adesão à prática no futsal do clube, 61
3.4.2 A adesão à prática no futsal da escola, 75
3.5 CONCLUSÕES, 88

4 ADERÊNCIA À PRÁTICA DO FUTSAL NO CLUBE E NA ESCOLA, 93
4.1 INTRODUÇÃO, 93
4.2 OBJETIVO, 94
4.2.1 Objetivos Específicos, 94
4.2.2 Hipóteses, 95
4.3 METODOLOGIA, 95
4.3.1 Procedimentos, 95
4.4 RESULTADOS E DISCUSSÃO, 95
4.4.1 Aderência à prática do futsal no clube, 95
4.4.2 Aderência à prática do futsal na escola., 109
4.5 CONCLUSÕES, 117

5. ABANDONO DA PRÁTICA DO FUTSAL, 124
5.1 INTRODUÇÃO, 124
5.2 OBJETIVO, 125
5.2.1 Objetivos específicos, 126
5.2.2 Hipóteses, 126
5.3 METODOLOGIA, 126
5.3.1 Procedimentos, 126
5.3.2 Seleção dos participantes / Total de sujeitos, 127
5.4 RESULTADOS E DISCUSSÃO, 128
5.4.1 Abandono da prática do futsal no clube, 128
5.4.2 Abandono da prática do futsal na escola, 138
5.5 CONCLUSÕES, 148

6 CONCLUSÕES FINAIS, 152

REFERÊNCIAS, 159
APÊNDICES, 170
ANEXOS, 173

Referência

CAREGNATO, André Felipe. Adesão, aderência e abandono no cenário da iniciação esportiva. 2012. 191 f. Dissertação (Mestrado em Educação Fisica) - Setor de Ciências Biológicas, Universidade Federal do Paraná, Curitiba, 2012.