As mediações no campo digital

Autores

Fernando Santos da Silva

Subtítulo

uma pesquisa sobre a relação entre clube de futebol e torcedor na internet

Orientador

Jefferson Veras Nunes

Banca

Carlos Alberto Ávila Araújo, Maria Giovanna Guedes de Farias, Cleide Bernardino Rodrigues, Luiz Tadeu Feitosa

Faculdade / Instituição

Departamento de Ciência da Informação, Universidade Federal do Ceará

Tipo

Dissertação

Área de concentração

Mestrado em Ciência da Informação

Ano

2018

Páginas

121

Cidade

Fortaleza

Resumo (pt)

O presente trabalho tem como objetivo analisar como ocorrem as mediações nas páginas sobre futebol na internet, sendo os objetivos específicos: analisar os sites oficiais do Ceará Sporting Club, do Ferroviário Atlético Clube e do Fortaleza Esporte Clube, buscando conhecer as ferramentas e os recursos comunicacionais e informacionais, e as possibilidades de mediação presentes; investigar como as mediações e interações são vistas nessa relação entre clube e torcedor com o uso dos meios digitais e analisar como são empreendidas as conversações nesses espaços virtuais, tanto pelos clubes como pelos torcedores. Discorre sobre a mídia e suas características, entendendo-a como um processo complexo composto por elementos como a comunicação, a cultura e a mediação se utilizando da perspectiva dos Estudos Culturais para entender a relação entre essas categorias. Enfatiza as principais abordagens da mediação na Ciência da Informação, salientando como a concepção de mediação a partir do viés simbólico ajuda a expandir o olhar da área sobre seus objetos de pesquisa e seus campos de investigação, mostrando o futebol como ambiente possível de ser estudado nessa disciplina. Mostra o futebol como um fenômeno social e cultural e a relação que existe entre esse esporte e a mídia. Expõe as características da veiculação do futebol através dos meios de comunicação, destacando a proximidade que existe entre os dois elementos. Enfatiza a internet como um dos principais veículos pelos quais o esporte se populariza e se expande na contemporaneidade. Trata-se de pesquisa qualitativa de cunho exploratório, que utiliza a etnografia e a observação para ambientação no campo e coleta de dados, além da conversação em rede para a análise das interações entre os torcedores e clubes nas redes sociais. Conclui que as mediações nos sites são de cunho informacional, a partir organização das informações, e simbólico pelas possibilidades de criação de sentidos e significados com base no que é veiculado nas páginas. Ressalta as atitudes e motivações dos usuários e suas próprias estratégias de organização e apropriação das informações e dos conteúdos simbólicos. Deduz que as interações como apropriação se estabelecem nessas ações dos usuários para além daquilo que as ferramentas oferecem. As conversações são, assim exemplos dessa apropriação, sendo empreendidas principalmente das redes sociais, o que é utilizado tanto pelos clubes como pelos torcedores. Entende que torcedores e clubes, passaram a possuir mais autonomia ao utilizar as tecnologias de informação e de comunicação, fornecendo possibilidades à Ciência da Informação de um entendimento mais amplo da produção, organização e apropriação da informação e das mediações em ambientes virtuais, considerando aspectos culturais nesses processos. Entretanto, evidencia a possibilidade de ampliação desse enfoque a partir de outros olhares sobre o mesmo fenômeno.

Abstract

The current paper aims to analyze how the mediations and interactions occur on websites about soccer on the internet, whose specific objectives are: to analyze the official websites of Ceará Sporting Club, Ferroviário Atlético Clube and Fortaleza Esporte Clube, seeking to know the tools and the communicational and informational resources, and the possibilities of mediation; to investigate how the mediations and interactions are seen in the relationship between club and fan with the use of digital ways and analyze how the conversations on these virtual spaces are apprehended, both by the clubs and by the fans. It discourses upon the media and its characteristics, understanding it as a complex process composed by elements such as communication, culture, mediation, utilizing perspective of Cultural Studies to understand the relation between these categories. It emphasizes the main approaches of mediation in Information Science, pointing out how the conception of mediation from the symbolic bias helps to expand the ground’s view upon its research objects and its investigation fields, showing the soccer as a possible study field on this subject. It shows the soccer as a social and cultural phenomenon and its relation that exists between the sport and media. It exposes the characteristics of soccer’s dissemination through media, highlighting the proximity that exists between the two elements. It emphasizes the internet as one of the main media by which the sport popularizes and expands in contemporaneity. It is about a qualitative research of exploratory nature, which utilizes the ethnography and observation for field setting and data collection, besides network conversation for the analysis of the interactions between fans and clubs in social network. It concludes that the mediation on websites are from informational nature, since the organization of the information and the possibilities creation of senses and meanings according to what is published on the websites. It highlights the attitudes and motivations of the users and their own strategies of organization and appropriation of the information and the symbolic contents. It deduces that the interactions such as appropriations are settled in the actions of users to beyond what the tools can offer. The conversations are, therefore, examples of this appropriation, being undertaken mainly from social networks, which is used by both the clubs and fans. To understand that fans and clubs have become more autonomous to use the information and communication technologies, providing possibilities to Information Science with a broader understanding of production, organization and appropriation of information and mediation in virtual environments, considering cultural aspects in these processes. However, it highlights the possibility of expanding this approach from other perspectives on the same phenomenon.

Sumário

1 PRELEÇÃO, 10
1.1 Estrutura da dissertação, 14

2 DAS MEDIAÇÕES: AS MÍDIAS, OS ESTUDOS CULTURAIS E A CIÊNCIA DA
INFORMAÇÃO, 17
2.1 A mediação e sua relação com a cultura: os Estudos Culturais como possibilidade
epistemológica, 18
2.2 As mídias e o que existe para além delas: as culturas e as mediações, 22
2.3 Mas como a mediação é vista na Ciência da Informação?, 34

3 O FUTEBOL NO CAMPO DE PESQUISA, 45
3.1 O futebol como campo de estudos: das crônicas narrativas à globalização, 45
3.2 O jogo como espetáculo: o futebol e sua relação com as mídias, 53
3.3 O futebol no campo digital: as conversações,  62
4 INTERVALO: OS MÉTODOS PARA A HORA DECISIVA, 69
4.1 A etnografia nos espaços virtuais e a conversação em rede: a estratégia de coleta e
análise, 71
4.2 As táticas: procedimentos de coleta de dados,74

5 AS MEDIAÇÕES E CONVERSAÇÕES NOS SITES SOBRE FUTEBOL, 75
5.1 O futebol cearense na rede: considerações sobre os clubes tratados, 75
5.1.1 O Vozão de Porangabuçu, o Ceará Sporting Club, 75
5.1.2 Sobre as vias férreas, o nascimento do Tubarão: o Ferroviário Atlético Clube,76
5.1.3 O Tricolor do Pici, o Fortaleza Esporte Clube,. 77
5.2 As ferramentas das páginas oficiais dos clubes cearenses, 78
5.3 As mediações, 83
5.3.1 A mediação da informação nas páginas oficiais dos clubes cearenses, 84
5.3.2 A mediação cultural nas páginas oficiais dos clubes cearenses, 88
5.4 As conversações empreendidas pelos clubes nos sites esportivos, 99
5.5 As conversações empreendidas pelos torcedores através dos sites esportivos, 108

6 CONCLUSÃO, 114
REFERÊNCIAS, 116

Referência

SILVA, Fernando Santos da. As mediações no campo digital: uma pesquisa sobre a relação entre clube de futebol e torcedor na internet. 2018. 121 f. Dissertação (Mestrado em Ciência da Informação) - Departamento de Ciência da Informação, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2018.