As pegadas douradas do sensacionalismo no esporte: Mário Filho e a cobertura da Copa de 1930 por “Crítica”

Autores

Leda Costa

Periódico / Revista

FuLiA / UFMG

Cidade

Belo Horizonte

Volume

v. 2

Número

n. 3

Páginas

p. 60-80

Ano

2017

Tema

Dossiê Crônica esportiva no Brasil: história e narrativa

ISSN

2526-4494

Resumo (pt)

Este artigo objetiva analisar a cobertura da participação da seleção brasileira de futebol na Copa de 1930, realizada pelo jornal Crítica. Enquanto periódicos tradicionais como o jornal O Globo insistiam em uma representação comedida e pedagógica dos fatos esportivos, publicações de cunho sensacionalista como Crítica enfatizavam os aspectos emotivos do futebol. Fazendo uso de estratégias, já comuns na produção de notícias de crimes e tragédias cotidianas, Crítica promove uma cobertura da Copa de 1930 em que se tenta deixá-la repleta de lances de sensação. Nessa cobertura destaca-se o papel de Mário Filho, que no final da década de 1930, assume as páginas esportivas de O Globo dando início à consolidação de seu papel protagonista na história do jornalismo esportivo.

PALAVRAS-CHAVE: Imprensa esportiva; Copa de 1930; Crítica; Mário Filho.

Abstract

This article aims to analyze the coverage of the Brazilian football team participation in the 1930 World Cup held by the Crítica newspaper. While traditional periodicals as the newspaper O Globo persisted on a moderate and pedagogical representation of the sportive facts, sensationalist publications as the Crítica emphasized the emotional aspects of football. The Crítica makes use of the strategy contained in the production of news about crimes and daily tragedies to promote the coverage of the 1930 World Cup, trying to make of it full of sensational episodes. This coverage highlights the importance of Mário Filho, who takes on the sportive pages of O Globo newspaper in the late 1930’s, initiating the strengthening of his protagonist part in the sportive press.

KEYWORDS: Sportive press; 1930 FIFA World Cup; Crítica; Mário Filho.

Referência

COSTA, Leda. As pegadas douradas do sensacionalismo no esporte: Mário Filho e a cobertura da Copa de 1930 por “Crítica”. FuLiA / UFMG. Belo Horizonte, v. 2, n. 3, p. 60-80, 2017.