Clubes de futebol operário como espaço de autonomia e dominação

Autores

Miguel Enrique Almeida Stédile

Periódico / Revista

Espaço Plural

Volume

v. 14

Número

n. 29

Páginas

p. 15 - 44

Área de concentração

Educação Física

ISSN

1981-478X

Resumo (pt)

Os clubes de futebol operários são o objeto deste trabalho, procurando identificar relações de dominação e resistência manifestas, através de uma forma específica de organização e de um espaço determinado de sociabilidade, durante o tempo livre destes trabalhadores, buscando compreender o futebol como campo de disputa entre operários e industriais, fora das fábricas, como espaço para formação de laços de solidariedade e identidade ou de subordinação e disciplinamento. 

Abstract

The workers” football teams are the subject of this work. We seek here to identify relations of manifest domination and resistance, through an especific form of organization and a determined space of sociability, during the free time of these workers, seeking to understand football as a place of dispute between workers and industrialists, outside of the factories; as a space for the formation of bonds solidarity and identity or subordination and disciplining. 

Referência

STéDILE, Miguel Enrique Almeida. Clubes de futebol operário como espaço de autonomia e dominação. Espaço Plural. Toledo, v. 14, n. 29, p. 15 - 44, 2013.