Desafios do jornalismo na era dos megaeventos esportivos

Autores

Anderson Gurgel

Periódico / Revista

Motrivivência

Volume

v.21

Número

n.32-33

Páginas

p.193-210

Área de concentração

Educação Física

ISSN

2175-8042

Resumo (pt)

Neste artigo, fazemos um resgate dos conceitos e histórico do jornalismo esportivo para, num segundo momento, propor uma reflexão sobre as práticas jornalísticas no mundo do esporte. A visão que norteia este texto é a de que o jornalismo esportivo já não cabe dentro dos seus próprios parâmetros tradicionais de conceituação, técnicas e visão de objeto de cobertura noticiosa. O cenário que descrevemos é motivado pela complexa teia onde o jornalismo esportivo se insere, dentro das relações entre a comunicação e o esporte, mediados pelo espetáculo e o entretenimento. Acentua ainda mais essa complexidade o fato de que um novo desafio impõe-se a toda a sociedade brasileira e ao jornalismo, em particular, com a realização dos megaeventos esportivos no Brasil, sendo os principais dele a Copa do Mundo de Futebol de 2014 e os Jogos Olímpicos Rio 2016. 

Abstract

In this paper, we make a rescue of the concepts and history to sports journalism, second, to propose a reflection on the journalistic practices in the world of sport. The vision that guides this paper is that the sports journalism no longer fits within its own parameters of traditional concepts, techniques and vision of the object of news coverage. The scenario we describe is motivated by the complex web where the sports journalism falls within the relationship between sport and communication, mediated by the spectacle and entertainment. Further underlines this complexity the fact that imposes a new challenge to all of Brazilian society and journalism in particular with the achievement of sporting mega events in Brazil, the main goals of the World Cup Soccer 2014 and the Olympic Games 2016. 

Observações

Link para o site da revista: periodicos.ufsc.br/index.php/motrivivencia/index        

Referência

GURGEL, Anderson. Desafios do jornalismo na era dos megaeventos esportivos. Motrivivência. Florianópolis, v.21, n.32-33, p.193-210, 2009.