Discursos autorizados e discursos rebeldes no futebol brasileiro

Autores

Simoni Lahud Guedes

Periódico / Revista

Esporte e Sociedade

Cidade

Niterói

Número

n. 16

Área de concentração

Sociologia

ISSN

18091296

Resumo (pt)

O futebol é uma prática social geradora da produção contínua de interpretações e avaliações situadas, simultaneamente, dentro e fora das quatro linhas. No Brasil, o discurso jornalístico é parte constituinte deste fenômeno social, compondo-o pelo menos desde a década de 1920. Neste texto, são apontadas algumas características do discurso jornalístico além da crescente produção acadêmica sobre o tema, que competirá pela “fala autorizada” sobre o futebol no Brasil. Busca-se, ainda, acentuar alguns discursos “dissonantes”, particularmente de jogadores.

Abstract

Football (Soccer) is a social practice that generates the continuous production of interpretations and positioned evaluations, simultaneously on as well as off the playing field. In Brazil, the discourse of sports commentary is a founding aspect of this social phenomenon, at least since the 1920″s. This text highlights some of the typical features of this kind of journalism as well as the growing academic production on this subject, which competes to be an “authorized spokesman” on Brazilian football (soccer). Dissenting discourse, especially that produced by players themselves, will also be brought into discussion.

Referência

GUEDES, Simoni Lahud. Discursos autorizados e discursos rebeldes no futebol brasileiro. Esporte e Sociedade. Niterói, n. 16, 2010/2011.