Esporte, entretenimento e espetáculo

Autores

Rafael de Oliveira Lourenço

Subtítulo

as narrativas do futebol na cobertura jornalística da Copa do Mundo 2010

Orientador

Luís Mauro Sá Martino

Faculdade / Instituição

Faculdade Cásper Líbero

Tipo

Dissertação

Área de concentração

Mestrado em Comunicação

Ano

2012

Páginas

132

Cidade

São Paulo

Resumo (pt)

O objetivo desta pesquisa é realizar uma análise das narrativas textuais produzidas pelo Jornal Nacional e Jornal da Record que foram ao ar nos dias 15, 25 e 28 de junho e 02 de julho de 2010 (período da participação da seleção brasileira na Copa do Mundo), no intuito de verificar sobre o que falaram as coberturas do futebol e quais as suas intersecções com temas além do esporte no contexto da Sociedade do Espetáculo. Para verificar as dimensões do futebol no Brasil, foram usados textos de autores como Ronaldo Helal, Hilário Franco Jr. e Hugo Lovisolo. Para a fundamentação teórica sobre a sociedade e meios de comunicação onde as narrativas analisadas são produzidas, essa pesquisa se baseou em textos de Guy Debord, Cláudio N. P. Coelho, Jorge Pedro Sousa e Michael Kunczik. Para analisar as narrativas textuais dos telejornais, o conteúdo dos programas foi dividido em três grupos: “sobre o jogo” (narrativas que falaram sobre as partidas), “extra campo” (matérias feitas com as torcidas e textos que vincularam o futebol a outros temas) e “editorial” (demais matérias dos telejornais). A partir da análise dessas narrativas textuais, foi possível verificar sobre o que falou a cobertura da Copa do Mundo 2010, que se assemelhou muito a uma festa da nação e do comércio e mostrou a dimensão comercial e de pertencimento fortemente presentes na representação do futebol na contemporaneidade.

Palavras-chave: Comunicação. Produtos Midiáticos. Telejornalismo. Entretenimento. Futebol. Narrativas.

Abstract

This research aims to analize the textual narratives of the programs Jornal da Record, and Jornal Nacional, broadcasted by Rede Record and Rede Globo on June 15th, 25th, 28th and July 2nd 2010 (days of Brazilian football team participation in the World Cup), in order to verify what the coverage of soccer reported and what are its intersections with topics beyond sport in Society of the Spectacle context. With the purpose of analyzing football dimensions in Brazil, texts from theoreticians, such as Ronaldo Helal, Hilário Franco Jr and Hugo Lovisolo, were used as a reference. For the theoretical about the society and media, where the narratives analyzed are produced, this research was based on texts by Guy Debord, Claudio N. P. Coelho, Jorge Pedro Souza and Michael Kunczik. Approaching the textual narratives of both TV News, the programs content was divided into three groups: “about the game” (narratives that report the game), “extra field” (stories made with the crowds and texts which entail soccer to other topics) and “editorial” (other stories on TV News programs). From the analysis of those textual narratives, it was possible to verify what World Cup 2012 reported, which resembled to a celebration of nation and trade, and showed the comercial dimension and membership strongly present in the representation of football in contemporaneity.

Keywords: Communication. Media Products. Telejournalism. Entertainment. Football. Narratives.

Sumário

INTRODUÇÃO, 12

1. FUTEBOL: UM PRODUTO MIDIÁTICO NA SOCIEDADE DO ESPETÁCULO, 17
1.1 – Futebol e sociedade do espetáculo no Brasil, 19
1.2 – Futebol e consumo na contemporaneidade, 26
1.3 – A industrialização da bola, 30

2. O “SER BRASILEIRO” PELAS NARRATIVAS MIDIÁTICAS DO FUTEBOL, 34
2.1 – Narrativas: a escrita de uma realidade possível, 34
2.2 – A narrativa espetacular que constrói identidades e patriotismo, 37
2.3 – A narrativa que coloca ordem no caos, 45

3. COMUNICAÇÃO, JORNALISMO E ESPETÁCULO, 48
3.1 – Os meios de comunicação na sociedade do espetáculo, 49
3.2 – O espetáculo do entretenimento como valor notícia na contemporaneidade, 53

4. A COBERTURA ESPETACULAR DO ESPORTE, 59
4.1. – As narrativas dos telejornais, 60
4.2. – Um jogo, várias narrativas, 62
4.2.1. – Brasil e Coreia do Norte: estreia e ansiedade, 64
4.2.2. – Brasil e Portugal: os “guerreiros” da defesa brasileira, 66
4.2.3. – Brasil e Chile: a vitória do grupo, 68
4.2.4. – Brasil e Holanda: a solidão da derrota, 71
4.3. – As narrativas da torcida brasileira, 74
4.4. – As narrativas “extra campo” do futebol, 79

5. CONSIDERAÇÕES FINAIS, 86

6. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS, 90

7. ANEXOS, 97
7.1. – Transcrição Jornal Nacional, 97
7.2. – Transcrição Jornal da Record, 111

Referência

LOURENçO, Rafael de Oliveira. Esporte, entretenimento e espetáculo: as narrativas do futebol na cobertura jornalística da Copa do Mundo 2010. 2012. 132 f. Dissertação (Mestrado em Comunicação) - Faculdade Cásper Líbero, São Paulo, 2012.