“Eu Tenho Dois Amores que em Nada São Iguais”: A Bifiliação Clubística no Nordeste

Autores

Artur Alves de Vasconcelos

Periódico / Revista

Ponto Urbe

Número

n.14

Área de concentração

Antropologia

ISSN

1981-3341

Resumo (pt)

O perfil de torcedor de futebol que apoia dois times, um de seu estado e outro de fora, está presente em quase todos os estados brasileiros. O objetivo deste artigo é oferecer pistas para se compreender algumas das razões históricas e sociais que possibilitaram o advento da bifiliação clubística, tomando a região Nordeste como recorte. Analisar o futebol brasileiro como um campo (Bourdieu) e observar os capitais simbólicos que um torcedor pode adquirir ao torcer por determinado time são elementos importantes para compreender a razão pela qual muitos torcedores nordestinos escolhem para torcer não apenas um time do seu estado, mas também outro do Rio de Janeiro ou São Paulo. 

Abstract

The profile of football fan that supports teams, one from its state and other from outside, is present in almost every state in Brazil. This article aims to offer clues to understand the historical and social contexts that have made possible the advent of the club double affiliation, using the Northeast Region of Brazil as a point of observation. Analyze the Brazilian football as a field (Bourdieu), and observe the symbolic capitals that a fan can acquire to support certain team are important elements to understand the reason why many football fans from Northeast choose not just a team from their states, but also other from Rio de Janeiro or São Paulo. 

Observações

Link para o site da revista: pontourbe.revues.org/  

Referência

VASCONCELOS, Artur Alves de. “Eu Tenho Dois Amores que em Nada São Iguais”: A Bifiliação Clubística no Nordeste. Ponto Urbe. São Paulo, n.14, 2014.