Futebol de várzea como mediador cultural na comunidade São Gonçalo Beira Rio

Autores

Allan Kardec Pinto Acosta Benitez

Orientador

Francisco Xavier Freire Rodrigues

Banca

Yuji Gushiken, Wanderley Marchi Júnior

Faculdade / Instituição

Instituto de Linguagens, Universidade Federal de Mato Grosso

Tipo

Dissertação

Área de concentração

Mestrado em Estudos Interdisciplinares de Cultura, Linha de Pesquisa Comunicação e Mediações Culturais

Ano

2014

Páginas

150

Cidade

Cuiabá

Resumo (pt)

Considerando Cultura, Lazer e Futebol bifurcações que engendram as manifestações sociais em suas variadas facetas, objetiva-se investigar a mediação do futebol de várzea na comunidade São Gonçalo Beira Rio, em Cuiabá, Mato Grosso, tendo-se por metodologia a pesquisa de campo através da coleta de relatos orais. No contexto polifacético e dialógico em que se imbricam identidade e alteridade, que papel teria o futebol de várzea na mediação das diferenças locais, que maneiras de fazer sua prática interatuam e modificam o espaço e as relações? Nesse sentido, este estudo é uma fenda que se abre como possibilidade de multiplicação e interconexão inter-territórios, estabelecendo pontes entre as fronteiras. Para tanto, a partida em busca dos percursos ou trajetórias das maneiras de fazer dos times São Gonçalo Beira Rio e Milionários Futebol Clube, cobrou-nos esmiuçar, através da entrevista oral, relatos da história de vida desses dois grandes times de futebol de várzea. Conceitos sobre espaço, território, táticas e estratégias e relatos orais, entre outros, oferecem amparo teórico advindo de áreas diversas, como História Cultural, Antropologia, Sociologia, Comunicação Social, Esporte e Lazer, de maneira que servem como forma de expansão das miradas variadas, da multiplicidade das linhas que se entrecruzam e se perdem, do jogo multifacetado que faz o futebol de várzea. Falamos da cartografia deleuziana, multidimensional, maneiras de fazer que se modificam no espaço social, que se conectam e desconectam em dimensões daquela comunidade. Considerando a força antagônica da palavra “conclusão”, introduzimos aqui reflexões finais como possibilidade de aberturas sobre a mediação cultural que o futebol de várzea tem exercido na comunidade São Gonçalo Beira Rio. Considerando, ainda, que neste Século XXI a força da cultura local, do cotidiano que evidencia o jogo social nas lutas pelo poder, jogo este em que identidades e diferenças se imbricam de maneira provocativa na arte de atuar no mundo contemporâneo.

Abstract

Considering Culture and Leisure Football bifurcations that engender social events in its many facets, the objective is to investigate mediation from the grassroots football of community in São Gonçalo Beira Rio in Cuiaba, Mato Grosso, having as a research methodology field through the collection of oral histories. In the context multifaceted and diagnostic context in which overlap identity and otherness, what role would the grassroots football in the mediation of local differences, ways to make your practice interact and modify the space and relationships? In this sense, this study is a slit that opens a possibility of multiplication and interconnection inter – territories, establishing bridges between borders. To this end, starting in search of paths or trajectories of ways to make teams of the São Gonçalo Beira Rio and Milionários Futebol Clube, charged us scrutinize, through oral interviews, accounts of the life history of these two great football team the grassroots. Concepts of space, territory , tactics and strategies, and oral reports , among others, offer theoretical support coming from various fields such as Cultural History, Anthropology, Sociology, Social Communication , Sport and Recreation, so they serve as a way of expanding various targeted, the multiplicity of lines that intersect and are lost, the multifaceted game that makes football of the grassroots. We talk about Deleuze cartography, many dimensions ways to make that change in the social space, which connect and disconnect in dimensions that community. To take into consideration the antagonistic force of the word “conclusion”, introduced here as final thoughts possibility of openings on cultural mediation football of the grassroots has played in the community of São Gonçalo Beira Rio. Considering, also that in this twenty-first century the power of the local culture, everyday that highlights the social power struggles in the game, this game where identities and differences overlap so provocative in the art of acting in the contemporary world.

Sumário

INTRODUÇÃO, 9

1. HISTÓRIA CULTURAL: PERSPECTIVAS DA MEDIAÇÃO, 12

2. FUTEBOL DE VÁRZEA: HISTÓRIA, LAZER E ESTÉTICA, 20
2.1 Futebol de Várzea: Panorama Histórico-Social, 20
2.2 Lazer e estética: Jogos Contrastivos, 26

3. RELATOS DE ESPAÇO: ENTRE TERRITÓRIOS, 30
3.1 Mapa: Comunidade São Gonçalo Beira Rio e seus Campos, 32
3.2 Percursos: As operações ou táticas de movimento, 37
3.3 Demarcações: Os paradoxos dos Relatos, 39

4. LEITURA ESTRATÉGICA DOS RELATOS DE ESPAÇO, 40
4.1 Metodologia de Pesquisa Utilizada, 40
4.2 Discussões sobre os Relatos, 44

PRORROGANDO O JOGO, 84

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS, 88
REFERENCIAS VIRTUAIS, 91

Referência

BENITEZ, Allan Kardec Pinto Acosta. Futebol de várzea como mediador cultural na comunidade São Gonçalo Beira Rio. 2014. 150 f. Dissertação (Mestrado em Estudos Interdisciplinares de Cultura, Linha de Pesquisa Comunicação e Mediações Culturais) - Instituto de Linguagens, Universidade Federal de Mato Grosso, Cuiabá, 2014.