Futebol feminino: um produto anexo

Autores

Ana Zayara Silva Michelli Coelho

Subtítulo

documentário sobre o futebol feminino

Orientador

Filipe Montargil

Co-rientador

Pedro Lopes

Faculdade / Instituição

Escola Superior de Comunicação Social, Instituto Politécnico de Lisboa

Tipo

Dissertação

Área de concentração

Mestrado em audiovisual e multimédia

Ano

2018

Páginas

86

Cidade

Lisboa

Resumo (pt)

“Futebol não é para meninas”. Essa é a primeira frase, narrada por um homem, de um vídeo para uma campanha de apoio ao futebol feminino realizada pela Federação Portuguesa de Futebol. Parece uma frase datada do tempo em que as mulheres ainda não tinham sequer o direito ao voto, mas é acompanhada por imagens de mulheres que são capazes de marcar golos. Contraditório? É como tem sido o desenvolvimento do futebol feminino. Essa disparidade pôde ser observada ao longo de 2017. No mesmo ano, a Seleção Nacional principal de futebol feminino português marcou presença, pela primeira vez, na fase final do Campeonato Europeu, realizado em julho. Entretanto, apesar da vitória conquistada, seis meses antes uma notícia no Diário de Notícias afirmava que em Portugal havia apenas seis jogadoras com o estatuto profissional. O objetivo então passa pela realização de um documentário que pretende apresentar as problemáticas encontradas que acabam por dificultar a profissionalização de jogadoras no futebol feminino. Focando-se no contexto português, o presente trabalho busca ainda contextualizar a história do futebol feminino em Portugal. Além disso, o documentário realizado quer transmitir, pelas palavras das próprias jogadoras, as barreiras que tiveram que enfrentar e ultrapassar, dentro e fora de campo, para fazer do futebol uma carreira. As perguntas que o documentário procura responder surgem aquando da publicação da campanha “Responde em Campo”, realizada pela Federação Portuguesa de Futebol. Por isso, a vertente dos media e da comunicação neste contexto não é deixada de lado. Afinal, o futebol feminino é apenas um anexo do desporto rei?

Palavras-chave Cinema, Documentário, Futebol Feminino, Desporto

Abstract

“Football is not for girls”. Those are the first words, said by a man, in a video as part of a campaign done by the Portuguese Football Federation to support women’s football. It looks like a phrase dating back to the time when women still did not even have the right to vote, however it is followed by images of women who are able to score goals. Paradoxical? This is how the development of women’s football has been. This disparity could be observed throughout 2017. In the same year, the National Women’s Football Team was qualified, for the first time, to be in the final phase of the European Championship, held in July. However, despite this achievement, six months earlier a news in the newspaper “Diário de Notícias” stated that in Portugal there were only six players with a professional status. The goal, then, is to produce a documentary that aims to present the problems encountered that end up hindering the professionalization of female football players. Focusing on the portuguese context, the current work done also seeks to contextualize the history of women’s football in Portugal. In addition, the documentary wants to convey, in the words of the players themselves, the barriers they had to face and overcome, on and off the field, to make football as a career. The questions that the documentary seeks to answer appear in the publication of the campaign “Responde em Campo”, conducted by the Portuguese Football Federation. Therefore, the media and communication aspect in this context is not left out. After all, is women’s football just a by-product of the king of sport?

Keywords Cinema, Documentary, Women´s football, Sport

Sumário

INTRODUÇÃO, VII

1. CONCEITOS E DEFINIÇÕES DO DOCUMENTÁRIO, 10
1.1. Identidade do documentário, 10
1.2. O ponto de vista no documentário, 18

2. HISTÓRIA DO DOCUMENTÁRIO, 20
2.1. Robert Flaherty e Dziga Vertov, 23
2.2. Movimento britânico de John Grierson, 27
2.3. Tipologias do documentário, 28

3. DOCUMENTÁRIO E DESPORTO, 41

4. A VALORIZAÇÃO SOCIAL DA MULHER NO FUTEBOL FEMININO, 43

5. HISTÓRIA DO FUTEBOL FEMININO EM PORTUGAL, 48

6. SELEÇÃO PORTUGUESA DE FUTEBOL, 56
6.1. FPF: Federação Portuguesa de Futebol, 56
6.2. Campanha: Responde em Campo, 59

7. METODOLOGIA, 61

8. PROJETO, 62
8.1. Identificação do problema, 63
8.2. Definição da perspetiva, 65
8.3. Desenvolvimento do projeto, 67
8.4. Considerações Finais, 71

REFERÊNCIAS, 73
Bibliografia geral, 73
ANEXOS, 78

Referência

COELHO, Ana Zayara Silva Michelli. Futebol feminino: um produto anexo: documentário sobre o futebol feminino. 2018. 86 f. Dissertação (Mestrado em audiovisual e multimédia) - Escola Superior de Comunicação Social, Instituto Politécnico de Lisboa, Lisboa, 2018.