Idolatria e malandragem: a cultura brasileira na biografia de Romário

Autores

Ronaldo Helal

Periódico / Revista

Intercom: Revista Brasileira de Ciências da Comunicação

Cidade

São Paulo

Volume

v. 26

Número

n. 2

Páginas

p. 24-39

Ano

2003

ISSN

1980-3508

Resumo (pt)

O artigo analisa a forma como vem sendo construída na mídia a figura de Romário a partir de dois períodos emblemáticos da trajetória do atleta rumo ao posto de herói da seleção brasileira: a) partida entre Brasil e Uruguai nas eliminatórias para a Copa de 1994 (uma semana antes da partida e uma semana após); e b) Copa do Mundo de 1994 (uma semana antes do início da Copa até duas semanas após a conquista). A escolha destes períodos para a análise deve-se ao fato deles marcarem peremptoriamente o lugar de Romário no rol dos heróis do futebol brasileiro.

Palavras-chave: mídia; futebol; cultura brasileira

Referência

HELAL, Ronaldo. Idolatria e malandragem: a cultura brasileira na biografia de Romário. Intercom: Revista Brasileira de Ciências da Comunicação. São Paulo, v. 26, n. 2, p. 24-39, 2003.