Medalhistas Olímpicos Brasileiros

Autores

Katia Rubio

Subtítulo

memórias, histórias e imaginário

Editora

Casa do Psicólogo, FAPESP

Cidade

São Paulo

Tema

Atletas Brasil

Área de concentração

Jogos Olímpicos

Páginas

364

Ano

2006

ISBN

8573964391

Sumário

Agradecimentos, 9

Prefácio, por Lars Grael, 11

Introdução, 13

Histórias que contam a história e criam o imaginário, 21
Um instrumento: as histórias de vida, 21
Uma busca: a identidade, 27
Uma necessidade: a periodização, 36

Educação Física, esporte e olimpismo, 41
O esporte moderno, 42
O Movimento Olímpico, 52
O fair-play, 60
O amadorismo, 65
O profissionalismo, 71
O início do Movimento Olímpico no Brasil, 80

Os jogos olímpicos da era moderna, 91
Fase de estabelecimento, 93
Fase de afirmação, 101
Fase de conflito, 112
Fase do profissionalismo, 128

O imaginário olímpico brasileiro, 143
Os medalhistas olímpicos do atletismo, 145
Os medalhistas olímpicos do basquetebol, 167
Os medalhistas olímpicos do boxe, 181
Os medalhistas olímpicos do futebol, 191
Os medalhistas olímpicos do hipismo, 203
Os medalhistas olímpicos do iatismo, 211
Os medalhistas olímpicos do judô, 245
Os medalhistas olímpicos da natação, 277
Os medalhistas olímpicos do tiro, 307
Os medalhistas olímpicos do voleibol, 317
Os medalhistas olímpicos do vôlei de praia, 328

Considerações finais, 347

Referências bibliográficas, 355

Sinopse

Com o objetivo inicial de cartografar o imaginário esportivo brasileiro, Kátia Rúbio empreende uma série de entrevistas com atletas que representaram o Brasil nas várias edições dos Jogos Olímpicos. Baseada nas histórias de vida narradas por aqueles atletas, desenvolve um estudo aprofundado sobre a importância que a atividade olímpica ocupa no cenário e no imaginário nacional, principalmente entre os jovens. Ao longo do texto, são ressaltadas a necessidade e a importância da memória, a delicadeza no trato com a narrativa e como pensar de forma não reducionista as relações entre o social e o simbólico. A autora revela como o papel social e a identidade desses atletas sofreram profundas transformações no decorrer de 80 anos de participação brasileira nos Jogos Olímpicos, acompanhando os movimentos sociais e culturais do século XX. Uma breve história dos Jogos Olímpicos da Era Moderna e da participação brasileira ilustra essas transformações

Referência

RUBIO, Katia. Medalhistas Olímpicos Brasileiros: memórias, histórias e imaginário. São Paulo: Casa do Psicólogo, FAPESP, 2006.