O espaço de representação do futebol: uma apreensão do futebol como um elemento sociocultural e espacial

Autores

Fernando Rosseto Gallego Campos

Periódico / Revista

RA´E GA

Número

n.11

Páginas

p. 35-49

Área de concentração

Geografia

ISSN

1516-4136

Resumo (pt)

O presente trabalho tem como objetivo desenvolver um corpo teórico-conceitual que possibilite que o futebol seja estudado como um elemento sociocultural e espacial. Propõe- se um diálogo entre a abordagem cultural em geografia, a teoria das representações sociais de Moscovici (2003) e as formulações sobre o espaço de representação de Lefébvre (1991), Soja (1996) e Gil Filho (2003). Foi a partir de uma leitura das idéias destes autores que se formulou o conceito de espaço de representação do futebol, composto por diversos elementos, que se dividem em categorias centrais (fato futebolístico, prática social do futebol e poder), categorias de mediação (símbolo, mito moderno, discurso, identidade futebolística) e reinos (política institucional, ethos futebolístico e paixão/afetividade).

 

Observações

Baixe o artigo.

Referência

CAMPOS, Fernando Rosseto Gallego. O espaço de representação do futebol: uma apreensão do futebol como um elemento sociocultural e espacial. RA´E GA. Curitiba, n.11, p. 35-49, 2006.