O Esporte na Cidade

Autores

Ricardo de Figueiredo Lucena

Editora

Autores Associados

Cidade

Campinas

Área de concentração

Educação Física

Páginas

176

Ano

2001

ISBN

8574960128

Sumário

Apresentação, 1

Uma Introdução, 7

Capítulo I – Rio de Janeiro: A Cidade e o Refinamento das Ações do Brasileiro, 15

Capítulo II – Do Jogo à Esportivização dos Passatempos: O Esporte no Esforço Civilizador Brasileiro, 37
1. Jogo e esporte: cara e coroa, 46
2. Por que o esporte…, 51

Capítulo III – Da República, do Passatempo, do Esporte, 65
1. De individualização e participação, 77
2. Um esporte para a literatura, 83
3. A busca da identidade, 94

Capítulo IV – Do Turfe, do Remo e do Futebol: para uma sociogênese do esporte no Brasil, 103
1. O Turfe, 104
2. O Remo, 116
3. O Futebol, 125

Conclusão: “inicia-se hoje a estação do foot-ball”, 137

Referências bibliográficas, 147

 

Sinopse

Como pode o esporte no auxiliar a pensar a complexidade das relações humanas numa sociedade em transformação? Eis uma das questões que compõem as reflexões feitas ao longo dos quatro capítulos deste estudo. A idéia é pensar o esporte como um dos elementos fundantes de inúmeras configurações que tornam possível perceber, revelar e também detectar a soma de esforços de controles numa sociedade que se diversifica à medida que cresce a rede de interdependência. Procuramos mostrar que, ao lado da diversidade proporcionada por grandes mudanças na estrutura política, social e cultural do país com o fim do trabalho escravo, a imigração européia e o gosto pela vida na cidade, define-se o sentido de um crescente processo de individualização que se manifesta também em ações que marcam uma forma distinta de relacionamento e comportamento. Para tanto, apoiamo-nos em conceitos propostos por Norbert Elias, na teoria do processo civilizados e na análise de Gilberto Freyre sobre a sociedade brasileira do segundo quartel do século XIX às primeiras décadas do século XX.

Referência

LUCENA, Ricardo de Figueiredo. O Esporte na Cidade. Campinas: Autores Associados, 2001.