O perfil do torcedor organizado e a política brasileira para o futebol espetáculo

Autores

Heloisa Helena Baldy dos Reis

Periódico / Revista

Tríade: comunicação, cultura e mídia

Cidade

Sorocaba

Volume

v. 4

Número

n. 7

Páginas

p. 172-189

Ano

2016

ISSN

2318-5694

Resumo (pt)

Este artigo apresenta resultados das pesquisas realizadas entre os anos de 1995 e 2015, com ênfase nas pesquisas com os torcedores organizados que são indivíduos majoritariamente masculinos e juvenis que se associam a uma torcida organizada, normalmente constituída como entidade jurídica sem fins lucrativos. Considero ser necessário conhecer para intervir, sendo assim a partir de 2005, realizei pesquisas quantitativas e qualitativas com a finalidade de traçar um perfil dos torcedores organizados de São Paulo. Simultaneamente vinha realizando outras pesquisas desde 1999 com a finalidade de propor uma política pública de prevenção da violência no Brasil. Mais recentemente eu pude realizar pesquisas com Felipe Tavares Paes Lopes que possibilitou fazer uma análise crítica da política pública brasileira em construção no Ministério do Esporte. Concluímos sobre esta que houve um esforço no trabalho de prevenção e de contenção da violência nos estádios brasileiros, no entanto de forma muito lenta e descontinuada. Sobre o perfil do torcedor organizado encontrei que são escolarizados, membros de famílias e fiéis torcedores.

Palavras-chave: Torcidas organizadas. Futebol. Política pública.

Abstract

This article presents the results of researches conducted between 1995 and 2015 and it emphasizes on researches with organized fans. These fans are mostly male and juvenile individuals associated with an torcida organizada. This kind of group of fans usually is formed as a legal non-profit entity. I think it is necessary to have knowledge to intervene in the phenomenon of violence. From 2005, I have been developing quantitative and qualitative researches in order to draw a profile of the members of the torcidas organizadas from São Paulo. Since 1999, I have also conducted other researches in order to propose a public policy to prevent violence in Brazil. More recently, I have conducted a research with Felipe Tavares Paes Lopes that enabled to do a critical analysis of Brazilian public policy on construction in the Ministry of Sports. We concluded there is an effort in the work of prevention and contention of violence in Brazilian stadiums, but very slowly and discontinued. Regarding the profile of organized fan, I discovered that they are educated, family members and loyal supporters.

Keywords: Torcidas organizadas. Soccer. Public policy

Referência

REIS, Heloisa Helena Baldy dos. O perfil do torcedor organizado e a política brasileira para o futebol espetáculo. Tríade: comunicação, cultura e mídia. Sorocaba, v. 4, n. 7, p. 172-189, 2016.