O sub-campo do futebol: presidentes de clubes em foco

Autores

Renato Francisco Rodrigues Marques, Diego Monteiro Gutierrez, Marco Antonio Bettine de Almeida

Periódico / Revista

Conexões

Cidade

Campinas

Volume

v. 11

Número

n. 1

Páginas

p. 188-203

Área de concentração

Educação Física

ISSN

1983-9030

Resumo (pt)

As relações sociais no futebol brasileiro expressam legitimação política e social que respeitam critérios próprios e em parte divergem da moralidade da sociedade contemporânea. O objetivo deste estudo foi investigar o espaço da administração e relações de poder referentes aos presidentes de clubes atuantes no futebol profissional no país. Buscou-se caracterizar esse agente e identificar seu habitus pela observação de trajetórias pessoais e características simbólicas do ambiente organizacional em que atuam. Os dados foram coletados com pesquisa em home pages de clubes de futebol, sites especializados e jornais esportivos digitais. Os resultados, com discussão baseada na obra de Pierre Bourdieu, demonstram que os presidentes fazem parte de uma elite profissional e que possuem como capital simbólico a capacidade gestora e de geração de lucros em clubes-empresa; a lealdade e vínculo duradouro com o clube sócio-esportivo em grandes centros; e forte relação política com o município-sede da entidade em pequenas cidades.

Abstract

Social relations in Brazilian football express political and social legitimacy that respect their own criteria, which differ in part of the morality of contemporary society. The objective of this study was to investigate the area of administration and power relations related to the presidents of professional football clubs operating in the country. We sought to characterize the agent and identifying their habitus, by observing personal trajectories and symbolic characteristics of the organizational environment in which they operate. Data were collected with research on home pages of football clubs, websites and digital sports newspaper. The results, with discussion based on the theory of Pierre Bourdieu, demonstrate that presidents are part of professional elite and have as symbolic capital management and the ability to generate profits, in business clubs; loyalty and lasting bond with the club membership in big cities; and strong political relationship with the county-seat of the club in small towns.

Referência

MARQUES, Renato Francisco Rodrigues; GUTIERREZ, Diego Monteiro; ALMEIDA, Marco Antonio Bettine de. O sub-campo do futebol: presidentes de clubes em foco. Conexões. Campinas, v. 11, n. 1, p. 188-203, 2013.