O tempo livre do trabalhador sob controle: comparação entre o Serviço de Recreação Operária (S. R. O.) e a Comunidade Nacional-Socialista Força pela Alegria (KdF)

Autores

Marcus Vinícius Macri Rodrigues, Elizabeth Süssekind

Periódico / Revista

FuLiA / UFMG

Cidade

Belo Horizonte

Volume

v. 3

Número

n. 2

Páginas

p. 200-216

Ano

2018

Tema

Dossiê Sobre Copas do Mundo...

ISSN

2526-4494

Resumo (pt)

O objetivo deste artigo é analisar, sob uma perspectiva comparativa, o primeiro ano de atividade do Serviço de Recreação Operária (S. R. O.), criado no final do ano de 1943, durante a ditadura de Getúlio Vargas, como órgão destinado a promover o lazer e a cultura do operário sindicalizado. Buscaremos contemplar a preocupação do governo Vargas com o tempo livre do operariado brasileiro, dentro do contexto do final do Estado Novo, utilizando matérias publicadas em periódicos, especialmente no jornal A Noite. Contraporemos a política de Vargas à discussão sobre o tempo livre do trabalhador na Alemanha, antes e durante o regime nazista, especialmente com relação às atividades desenvolvidas pela Comunidade Nacional-Socialista Força pela Alegria KdF, que atuou durante o governo nazista (1933-1945).

PALAVRAS-CHAVE: Getúlio Vargas; Nazismo; Lazer; História Comparada; Classe Operária

Abstract

The aim of this article is to analyze, from a comparative perspective, the first year of activity of the Serviço de Recreação Operária/Worker’s Recreation Service (S. R. O.), created at the end of the year 1943, during Getúlio Vargas’ dictatorship, as an organ intended to promote the leisure and culture of the Oper Unionized. We seek to contemplate the concern of the Vargas’ government with the free time of the Brazilian workers within the context of the end of the new state, using articles published in periodicals, especially in the newspaper A Noite. We compare the Vargas’ policy and discussion over the worker’s free time with the German experience, before and during the Nazi regime, especially with regard to the activities developed by KdF, that acted during the National Socialist government (1933-1945).

KEYWORDS: Vargas’s Government; Nazism; Leisure; Comparative History; Working Class.

Referência

RODRIGUES, Marcus Vinícius Macri; SüSSEKIND, Elizabeth. O tempo livre do trabalhador sob controle: comparação entre o Serviço de Recreação Operária (S. R. O.) e a Comunidade Nacional-Socialista Força pela Alegria (KdF). FuLiA / UFMG. Belo Horizonte, v. 3, n. 2, p. 200-216, 2018.