Projeções midiáticas televisivas das violências do futebol profissional em alunos do ensino médio

Autores

Luiz Antonio Trientini

Orientador

Hélio Iveson Passos Medrado

Faculdade / Instituição

Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade de Sorocaba

Tipo

Dissertação

Área de concentração

Mestrado em Educação

Ano

2008

Páginas

102

Cidade

Sorocaba

Resumo (pt)

O presente trabalho busca desenvolver uma reflexão sobre as violências presentes no contexto das quadras esportivas escolares, mais especificamente sobre a modalidade futebol. A violência é compreendida como uma manifestação histórica e social com múltiplas e complexas faces, que interage com o ambiente da escola. Este é um estudo sobre algumas violências do futebol profissional e seus reflexos no ambiente escolar, por influência da mídia televisiva esportiva. Aborda também as violências simbólicas, concretas e intermediárias, manifestadas durante as práticas esportivas em uma escola particular da cidade de Santana de Parnaíba, de nível socioeconômico médio e alto, freqüentada por moradores dos condomínios Alphaville e Tamboré. Buscamos conhecer a realidade qualitativa no estudo, com levantamento também, de dados quantitativos. Analisamos as manifestações das violências na escola, examinando as agressões buscando compreender as projeções das violências da mídia televisiva esportiva nessa instituição escolar. Levamos também em consideração a violência do professor, que durante estas atividades tem sua função confundida com a de árbitro, por vezes assumindo-a e assim, sendo projetada pelos alunos, trazendo para este momento as representações daquilo que puderam observar, principalmente através da televisão.

Abstract

This study attempts to develop a reflection on the violence in the context of school sports courts, more specifically about football. Violence is understood as a historical and social event with multiple and complex surfaces, which interacts with the school ambient. This is a study of some violence of professional football and its reflections in the school environment, because of the influence of television sports media. It also discusses the symbolic violence, concrete and intermediary, expressed during the sports in a private school in the city of Santana de Parnaiba of medium and high socioeconomic level, residents of condominiums frequented by Alphaville and Tamboré. We strive to know the reality in the qualitative study, also with lifting of quantitative data. We review the manifestations of violence at school, examining the attacks seeking to understand the projections of violence in television sports media in this school. We also consider the violence of the teacher, during which these activities have confused his role with the referee, sometimes taking it and so, being designed by students, bringing to this time the representations of what could follow, especially through television.

Sumário

1 INTRODUÇÃO, 9

2 CONCEPÇÕES DE VIOLÊNCIAS, 12

3 VIOLÊNCIAS E ESPORTE, 28
3.1 Violência no esporte, 29
3.2 Violência do esporte, 30
3.3 Mercantilização do futebol, 32
3.4 A importância do conhecimento dos alunos sobre o corpo, 34
3.5 O atleta, uma mercadoria, 40
3.6 Racismo, desde o início do futebol, 43
3.7 Futebol e (in)cultura, 49
3.8 Questões de gênero, 51
3.9 Ações violentas das torcidas, 58

4 INSTITUIÇÃO ESCOLAR, EDUCAÇÃO FÍSICA E ESPORTES, 62
4.1 A Educação Física Escolar, 65
4.2 O futebol como elemento educativo, 71

5 A TV E AS PROJEÇÕES MIDIÁTICAS: ESCOLA E EDUCAÇÃO FÍSICA, 74
5.1 O alcance da televisão, 74
5.2 Televisão e escola, 75
5.3 Mídia, televisão e educação física, 7
5.4 Caracterização da pesquisa e sujeitos, 81
5.5 O Estabelecimento de ensino, 82
5.6 As observações das aulas, 83
5.7 Resultados do questionário, 84
5.8 Concluindo, 90

Considerações finais, 92

Referências, 97

Referência

TRIENTINI, Luiz Antonio. Projeções midiáticas televisivas das violências do futebol profissional em alunos do ensino médio. 2008. 102 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade de Sorocaba, Sorocaba, 2008.