Sentimento e política no futebol alemão – construções da “nação” em 1990 e 2006

Autores

Elcio Loureiro Cornelsen

Periódico / Revista

História: Questões & Debates

Número

n.57

Páginas

p.73-99

Área de concentração

História

ISSN

0100-6932

Resumo (pt)

O presente estudo tem por objetivo discutir o papel do futebol alemão para as construções da “Nação” em dois momentos cruciais: o da Copa de 1990, realizada na Itália e vencida pela seleção alemã em pleno pro¬cesso histórico da reunificação do país e, respectivamente, o contexto da realização da Copa de 2006, na própria Alemanha. Falar de “Nação” associada à história do país sempre evoca polêmica, sobretudo pela funesta experiência histórica do chamado “Terceiro Reich” que, sem dúvida, posteriormente, contaminou toda e qualquer significação da ideia de “Nação”. De certo modo, nos últimos vinte anos o futebol e a seleção alemã têm contribuído não só para manter esse tema na ordem do dia, como também para o surgimento de manifestações públicas do sentimento nacional, como as que ocorreram durante o Mundial de 2006, sem que, necessariamente, se recaia em tons de exacerbado ufanismo como no passado.

Abstract

The present study aims at discussing the role of German football for the constructions of “Nations” in two crucial moments: the 1990 World Cup, held in Italy and won by the German national team during the historic process of the country’s reunification and, respectively, the context of the 2006 World Cup, held in Germany itself. To speak of “Nation” associated with the country’s history is always controversial, particularly because of the infamous historical experience of the so-called “Third Reich”, which later undoubtedly tainted any and every signification of the idea of “Nation”. In a certain way, in the last twenty years football and the German national team have contributed, not only to keep this issue in the agenda, but also to the rise of public demonstrations of national feeling, such as those that took place during the 2006 Cup, without necessarily falling back to undertones of inflamed jingoism as in the past.

Observações

Link para o site da revista: ojs2/index.php/historia/index

Referência

CORNELSEN, Elcio Loureiro. Sentimento e política no futebol alemão – construções da “nação” em 1990 e 2006. História: Questões & Debates. Curitiba, n.57, p.73-99, 2012.