Sociologia do esporte e os processos civilizatórios

Autores

Eric Dunning

Editora

Annablume

Cidade

São Paulo

Área de concentração

Sociologia do Esporte

Páginas

268

Ano

2013

ISBN

8539106213

Sumário

Capítulo 1 – Eric Dunning no CEAv/Unicamp, uma experiência única, 7
Pedro Paulo Funari

Capítulo 2 – As contribuições de Eric Dunning para o desenvolvimento da Sociologia do Esporte no Brasil: uma introdução à Sociologia Figuracional, 13
Heloisa Helena Baldy dos Reis

Capítulo 3 – Norbert Elias: uma breve biografia, 19

Capítulo 4 – Elias e a sociedade moderna: habitus, figurações, poder e processo, 63

Capítulo 5 – A “teoria central” de Elias: os processos “civilizadores” ocidentais e algumas de suas principais variações, 73

Capítulo 6 – “Testando” Elias: aspectos da violência numa perspectiva de longo prazo, 123

Capítulo 7 – Uma discussão dos antecedentes do esporte moderno na Europa antiga e feudal, 159

Capítulo 8 – A história e o desenvolvimento do esporte moderno, 171

Capítulo 9 – O desenvolvimento do futebol, 185

Capítulo 10 – Reflexões sociológicas sobre figurações e processos no esporte e na globalização: algumas observações conceituais e teóricas com especial referência ao futebol, 199

Capítulo 11 – O hooliganismo no futebol como um problema global, 215

Capítulo 12 – O esporte como domínio masculino: observações sobre as fontes sociais da identidade masculina e suas transformações, 233

Referências bibliográficas, 255

Sinopse

Eric Dunning confidenciou-nos, mais de uma vez, como os episódios de sua longa vida foram, na alegria e na tristeza, constitutivos de uma experiência de vida excepcional e que contribuíram para que pudesse colocar à prova, por assim dizer, as premissas teóricas da sua maneira de interpretar o ser humano em sociedade. Mais do que isso, sua dedicação às práticas desportivas também o colocaram em um contato mais imediato com a materialidade e a vida quotidiana e lhe deram condições muito realistas de confrontar a sociedade contemporânea. Como transparece nas suas obras e, mais ainda, nas suas conversas, sua paixão pelos esportes populares e por sua prática deram-me insights na mentalidade popular nem sempre presente em outros estudiosos menos afeitos à vida diária das pessoas comuns.

Esse livro é fruto das palestras proferidas por ele durante sua estada. Todos os textos são inéditos em língua portuguesa, tendo sido em sua maioria revisado e ampliado pelo autor especialmente para a publicação brasileira. O livro possui dez capítulos de autoria única de Eric Dunning, e são produções da Sociologia e da Sociologia do Esporte. O livro foi organizado em dois blocos, sendo o primeiro composto pelos capítulos de três ao seis. Nestes Eric Dunning, aborda de modo bastante claro e elucidativo a teoria do processo civilizatório de Norbert Elias, abrangendo a sustentação teórica para a compreensão de suas produções sobre Sociologia do Esporte que aparecem no segundo bloco do livro, o qual traz textos de extrema relevância para o campo dos estudos sociológicos do esporte no Brasil com atenção especial ao futebol.

Observações

O livro foi organizado pela professora Heloisa Helena Baldy dos Reis.

Referência

DUNNING, Eric. Sociologia do esporte e os processos civilizatórios. São Paulo: Annablume, 2013.