Visões de jogo (resenha)

Autores

Heidi Jancer Ferreira, Roberto Andaki Júnior, José Geraldo do Carmo Salles

Periódico / Revista

Movimento

Volume

v.17

Número

n.2

Páginas

p.281-290

Área de concentração

Educação Física

ISSN

0104754X

Resumo (pt)

O livro “Visão de Jogo: antropologia das práticas esportivas”, organizado por Luis H. de Toledo e Carlos E. Costa, publicado em 2009, reúne dez capítulos de autores e recortes temáticos diferentes, mas que se entrelaçam na ideia de visão de jogo. O livro não se restringe ao esporte de alto rendimento, ele aborda as práticas esportivas como um todo. Neste contexto são discutidos os domínios de gênero, eficácia simbólica, sociabilidade, política e ethos dos jogadores brasileiros.
 

Abstract

The book entitled Visão de Jogo: antropologia das práticas esportivas (“View of game: an anthropology of sports practice”) by Luis H. de Toledo and Carlos E. Costa, published in 2009, brings ten chapters and surveys of different aspects of sports, although they intertwine in the conception of view of game. Beyond high performance sports, Toledo and Costa approach sports practice in its totality. In that context, they discuss gender relations, symbolic effectiveness, sociability, politics, and Brazilian players” ethos.

Resumo (outro idioma)

El libro Visão de Jogo: antropologia das práticas esportivas (“Visión de juego: antropología de las prácticas deportivas”), organizado por Luis H. de Toledo y Carlos E. Costa, publicado en el año 2009. La obra reúne diez capítulos de autores y recortes temáticos diferentes, que se entrelazan en la idea del juego. El libro, no sólo se limita al deporte de alto rendimiento, sino que aborda las prácticas deportivas como un todo. En éste contexto son discutidos los dominios de género, eficacia simbólica, social, política y ethos de los jugadores brasileños.

Observações

Confira o site da revista: www.seer.ufrgs.br/Movimento/index

Referência

FERREIRA, Heidi Jancer; ANDAKI JúNIOR, Roberto; SALLES, José Geraldo do Carmo. Visões de jogo (resenha). Movimento. Porto Alegre, v.17, n.2, p.281-290, 2011.